jueves, 9 de septiembre de 2010

Mudança

A história nesse capítulo é a dos retirantes de uma família, fugindo da seca. Aparece a árvore juazeiro com toda sua importância.
Fazem parte da família Fabiano, sua esposa Vitória, dois filhos, caracterizados apenas como “menino mais novo" e "o menino mais velho" assim caracterizou a vida mesquinha e sem sentido em que viviam os retirantes. A cachorra Baleia completa a família (seis viventes, contando com o papagaio que eles comeram por não haver comida por perto) talvez ela seja mais importante que os meninos, já que podia procurar comida...
Nesse capítulo se descreve a terra árida e o sofrimento da família. As personagens não se comunicam; apenas duas vezes o pai, irritado com o menino mais velho, xinga-o.
Essa falta de diálogos permanecerá no livro, eles não têm consciência de sua situação, embora, Fabiano e Vitória sonharam com uma vida melhor, mais era a mesma vida com comida e roupas. Sinhá Vitória desejava uma cama... O céu disse que choverá...