sábado, 30 de julio de 2011

Simone de Beauvoir. O segundo sexo.

O segundo sexo (1949)

Simone de Beaovoir, elaborou um dos mais lúcidos e interessantes estudos sobre a condição feminina. Para ela a opressão se expressa nos elogios às virtudes de uma alma inconsciente, infantil e alegre, alma do resignado. 
Mulher tem ser, frívola, pueril, irresponsável, submetida ao homem.
No livro, revela os caminhos que lhe são abertos às mulheres, a independência, a superação das circunstâncias que restringem a sua liberdade. Não esquece que a mulher é escrava de sua própria situação.
Não se nasce mulher, ser mulher é uma construção cultural. A sociedade  fabrica à mulher.